Documentários


Mamãe Morta e Querida

R$15,00

Sucesso! Você tem frete grátis
Frete grátis a partir de R$99,00
Entregas para o CEP:

Frete grátis a partir de R$99,00

Compartilhar:

Abuso infantil, doença mental e amor proibido convergem em um mistério envolvendo uma mãe e sua filha. 

À primeira vista, Dee Dee Blanchard e sua filha, Gypsy Blanchard, pareciam um exemplo clássico de mãe e filha que são as melhores amigas uma da outra. Gypsy, que usava cadeira de rodas e recebia tratamento médico para vários problemas de saúde, estava sempre ao lado de sua mãe, com um sorriso enorme estampado no rosto. As duas apareciam em eventos da organização Relay for Life, foram juntas em viagens organizadas pela fundação Make-A-Wish e chegaram a receber uma casa doada, quando deixaram o Estado onde viviam, Louisiana, após a passagem do furacão Katrina.

Mas em junho de 2015, quando Dee Dee foi encontrada assassinada em sua casa no Missouri, uma narrativa diferente começou a tomar forma. Gypsy não estava doente –na realidade, ela conseguia caminhar. As autoridades a encontraram no Wisconsin, foragida com o namorado que conhecera online. Mais tarde o namorado confessaria ter matado Dee Dee a facadas, a pedido de Gypsy.

A notícia do caso explosivo se espalhou rapidamente pela internet depois do artigo longo e assustador de Michelle Dean no BuzzFeed detalhando os abusos cometidos e a morte sinistra da mãe de Gypsy.

O filme de Carr se aprofunda no incidente, trazendo entrevistas com familiares, profissionais médicos, policiais e a própria Gypsy, que está cumprindo pena de dez anos de prisão. Não há incertezas misteriosas como as de "Making a Murderer" ou "Serial", mas os fatos do caso são bizarros o suficiente para deixar o espectador fascinado.

 

Título Original: Mommy Dead and Dearest
Direção: Erin Lee Carr
País: Estados Unidos
Ano: 2017
Duração: 82 minutos
Áudio: Inglês
Legendas: Português